Vale a pena visitar o Mercadão em São Paulo?

Inaugurado em 1933, o Mercado Municipal Paulistano, popularmente conhecido como Mercadão, se consolidou como um dos mais tradicionais pontos gastronômicos da cidade de São Paulo.

Projetado pelo pelo arquiteto italiano Felisberto Ranzini, funcionário do escritório de arquitetura de Ramos de Azevedo e responsável por outros prédios icônicos da cidade, como o Palácio dos Correios e Palácio da Justiça, o Mercadão ficou conhecido não só pela oferta ampla de frutas e verduras, mas também pelo lanche de pão com mortadela.

Apesar de ser conhecido como polo cultural e gastronômico, o prédio localizado na Rua Cantareira foi foco de críticas por parte de turistas e moradores da cidade, especialmente no início deste ano.

Os preços abusivos e a abordagem um tanto quanto agressiva e coerciva dos vendedores viraram notícia de jornal e o “golpe da fruta” rendeu a página de denúncias @golpe_do_mercadao_sp no Instagram, que reúne relatos de visitantes que de alguma forma se sentiram lesados ao visitar o Mercadão.

Confesso que faz anos desde a última vez que pisei no Mercadão de São Paulo. Mas, como moradora da capital, não acho que o lugar valha a visita nos dias de hoje. Infelizmente, a região central da cidade está cada vez mais abandonada e, consequentemente, perigosa. Sem contar que o tal do “golpe da fruta” não é mentira; afinal, desde sempre os preços no Mercadão foram extremamente exagerados.

Embora o prédio histórico seja lindo de olhar, se o motivo da visita for o famoso lanche, o Hocca Bar, restaurante que consagrou o pão com mortadela no Mercadão, possui diversas unidades espalhadas pela capital, como no Shopping Mooca e em Moema – e ainda vou mais longe ao escrever que, talvez, você encontre um sanduba tão gostoso e suculento quanto em alguma padaria da cidade!

Já as “frutas exóticas” podem ser encontradas na grande maioria das feiras livres que rolam por São Paulo, e por preços muito mais democráticos – além de que a experiência em uma feira de rua é muito mais autêntica e paulistana por si só. Lembrando que, em termos de saúde, é muito importante também estar sempre atento aos alimentos da safra de cada época do ano, evitando, assim, frutas, verduras e legumes carregados em agrotóxicos.

Você já visitou o Mercadão de São Paulo? Qual sua opinião sobre o assunto? 👇

Capa:

D A V I D S O N L U N AUnsplash

Um comentário sobre “Vale a pena visitar o Mercadão em São Paulo?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s