3 livros de Agatha Christie para viajar sem sair de casa

Verdade seja dita: não há dúvidas sobre os porquês que levaram a escritora inglesa Agatha Christie a ser consagrada como “a rainha do crime”. E embora a autora divida opiniões entre os leitores, é inegável o impacto de suas obras na literatura policial.

Nascida em Torquay, em 1890, ao longo de sua vida Agatha Christie publicou 66 histórias de detetive, sempre cheias de mistérios e ambientadas em alguns dos lugares mais icônicos de todos os tempos.

Habituada a viajar com a família desde cedo, as histórias da escritora também foram fortemente influenciadas pela vida que viveu ao lado dos dois maridos, especialmente o segundo, o arqueólogo Max Mallowan. Mas não é só isso…

Agatha Christie era uma aventureira nata. Em 1922 ela iniciou uma viagem de dez meses pelo mundo, passando por locais como a Ilha da Madeira, África do Sul, Austrália, Havaí e Canadá.

Por isso, para além das histórias policiais, os livros da autora inglesa podem ser um prato cheio para aqueles que gostam de descobrir outras terras através da literatura. Então, abaixo, listei 3 livros de Agatha Christie para você viajar sem sair de casa! 🔍

Morte no Nilo

Publicado em 1937, o romance acaba de ganhar as telas de cinema através da adaptação de mesmo nome do diretor norte-irlandês Kenneth Branagh, que volta no papel do detetive belga Hercule Poirot após o longa Assassinato no Expresso Oriente (2017), baseado em uma das obras mais famosas da rainha do crime.

Durante uma viagem de cruzeiro pelo rio Nilo, no Egito, Poirot precisa desvendar um intrigante quebra-cabeça para descobrir o responsável, dentre todos os passageiros do barco, pela morte de Linnet Ridgeway, uma jovem herdeira em lua-de-mel.

Encontro com a morte

Viajando pelo Oriente Médio, Hercule Poirot ouve por acaso parte de um intrigante diálogo: “Você entende que ela tem de ser assassinada, não entende?”. A partir daí, uma série de histórias irão se cruzar enquanto o detetive belga tenta desvendar o que pode estar acontecendo para que um assassinato não seja cometido.

Romance policial publicado em 1938, Encontro com a morte explora a psique humana e traz à tona o lado sombrio das relações familiares.

Aventura em Bagdá

Lançando em 1951, Aventura em Bagdá é o livro meu favorito desta lista!

Durante a Guerra Fria, uma jovem datilógrafa inglesa se vê envolvida em uma série de intrigas internacionais quando se arrisca por um rapaz recém conhecido e parte para o Iraque, antiga Mesopotâmia. Repleto de suspense, Aventura em Bagdá é o tipo de livro que se lê numa sentada.

Capa:

Clem OnojeghuoUnsplash

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s